Derrota dos Palanquinhas na estreia




Luanda - A derrota da selecção nacional de sub-17 frente a Moçambique para a corrida ao CAN2015, no Níger, a eleição do novo presidente do Petro de Luanda e a homenagem a Judoca Antónia de Fátima “Faia” e o lutador de artes marciais Demarte Pena foram os destaques da semana finda

A selecção nacional de futebol em sub-17 perdeu sábado por 1-2 frente a sua congénere de Moçambique, em jogo da primeira "mão" da segunda eliminatória de acesso ao CAN2015 da categoria no Níger.

Angola, que esteve em vantagem desde os 15 minutos de jogo com golo de Catraio, foi surpreendida pelos donos da casa aos 80 e 85 minutos, com tentos de Edson e Hermenegildo.

O jogo da segunda "mão" realiza-se a 1 de Agosto no estádio dos Coqueiros, em Luanda.

No associativismo desportivo, o Petro de Luanda conta um novo presidente, o sétimo na sua história. Trata-se de Tomás Faria, eleito sábado, em Luanda, com 56 votos a favor e nove abstenções.

Entre as principais linhas de força da nova direcção destaca-se o saneamento financeiro da agremiação.

Nas modalidades de combate, os campeões africanos Demarte Pena e Antónia de Fátima “Faia” foram homenageados em Luanda, em cerimónia dirigida pelo ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba.

Demarte Pena, de 23 anos e da categoria dos -61 quilogramas, conquistou o título de campeão africano no estilo Artes Marciais Mistas (EFC), após derrotar em Junho último, em Joanesburgo, o sul-africano Nkazimulo Zulu, por decisão dos juízes após cinco “rounds”. O atleta também conquistou em 2011 o título africano do peso puma.

Antónia de Fátima “Faia” tornou-se campeã no mesmo mês nas ilhas Maurícias, onde conseguiu o ouro na categoria dos menos de 70 quilogramas.

Terça-feira, a selecção nacional sénior masculina de basquetebol iniciou a preparação para o campeonato do mundo em Agosto na Espanha.

O 4º curso para de Directores Nacionais da Solidariedade Olímpica, iniciado na segunda-feira na Galeria dos Desportos, também foi destaque dos últimos sete dias.

A formação, que terminou sábado, contou com 30 participantes a quem foram ministradas matérias sobre Jogos Olímpicos na antiguidade, comunicação e liderança, Mulher e Desporto, Pierre de Coubertin e o Diário da Simbologia Olímpica, e Novas iniciativas e Programas do Comité Olímpico Internacional.

O curso foi dirigidos prelectores nacionais, conta com as presenças do Espanhol Conrando Durantez, os portugueses David Sequerra e Fernando Costa, formadores ligados ao Comité Olímpico Internacional (COI).

A semana registou a eliminação do Interclube, Sagrada Esperança e do ASA dos oitavos-de-final da Taça de Angola.

Os policias perderam no Lubango, por 1-2, frente ao Desportivo da Huíla, o Sagrada Esperança foi derrotado em casa pelo Recreativo do Libolo, por 0-2, e o ASA caiu no reduto do Sporting de Cabinda por uma bola a zero.


Patrocinadores